sábado, 25 de abril de 2020

Criminosos fazem seis pessoas reféns durante arrastão em loja de Natal e se entregam após negociação com a PM

Polícia Militar negocia com bandidos, que pedem presença da imprensa — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV
Polícia Militar negocia com bandidos, que pedem presença da imprensa — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV
Seis pessoas foram feitas reféns em assalto ocorrido na tarde deste sábado, em unidade das lojas Americanas Express, na avenida Afonso Pena, no bairro de Petrópolis, em Natal. A Polícia Militar foi chamada ao local e, após uma hora de negociação, conseguiu a rendição de dois criminosos e a liberação dos reféns sem ferimentos. Um dos bandidos estava armado e entregou a arma ao liberar o último refém.
Os dois bandidos invadiram a loja por volta das 16h30 e tentaram fazer um arrastão, mas a polícia cercou o estabelecimento. Os criminosos, então, seguiram para a sala de estoque e fizeram funcionários e clientes de reféns. Para liberar os reféns, pediram a presença da imprensa e foram atendidos.
O clima era de nervosismo e os jornalistas presentes foram orientados a ficar por trás dos escudos dos policiais.
Aos poucos, os reféns foram sendo liberados. Uma das vítimas contou que a única exigência dos bandidos era saírem vivos.
Após mais de uma hora de negociação, os bandidos resolveram se render e um dos reféns entregou a arma utilizada pelos criminosos ao policial.
A dupla foi levada à central de flagrantes da Polícia Civil. Eles disseram que são menores de idade. As vítimas também foram encaminhadas para registrar a queixa de sequestro.

Fonte: G1 RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário