domingo, 22 de março de 2020

Mossoró tem 1º caso confirmado de coronavírus e RN soma 9 casos

A cidade de Mossoró, segundo maior do Estado, tem o primeiro caso confirmado de coronavírus. A informação foi divulgada na noite deste sábado (21) em boletim da Secretaria Estadual de Saúde Pública. Outros dois casos foram confirmados nesse boletim. Ao todo, o RN soma 9 casos confirmados.
O caso confirmado de Mossoró é de um paciente com 55 anos, do sexo masculino, com histórico de contato com caso suspeito de Covid-19. Ele passa bem e está seguindo as recomendações de isolamento preconizadas no seu município de residência.
O outro caso é de um paciente de Parnamirim com 28 anos, do sexo feminino, e histórico de contato com caso confirmado de Covid-19 residente na cidade de Natal. Ela passa bem e está seguindo as recomendações de isolamento.
O terceiro caso é de um paciente de Natal, de 41 anos, do sexo feminino, com histórico de contato com caso confirmado de pessoa residente na cidade de Recife. Ela também passa bem e está seguindo as recomendações de isolamento.
Os outros casos confirmados são:
paciente com 24 anos, do sexo feminino, com histórico de viagem à Europa (França, Itália e Áustria).
paciente com 31 anos, do sexo masculino, de Parnamirim, com histórico de viagem a Fortaleza e que teve contato com estrangeiros. Ele passa bem e está seguindo as recomendações de isolamento preconizadas;
paciente de 30 anos, do sexo masculino, de Natal, com histórico de contato com caso suspeito por Covid-19;
paciente com histórico de contato com caso suspeito, de 49 anos, do sexo feminino, de Natal;
paciente com histórico de viagem ao Rio de Janeiro e Santa Catarina, de 37 anos do sexo feminino, de Natal;
paciente do sexo masculino, de 70 anos, de Natal, com histórico de contato com caso suspeito. Ao apresentar sintomas realizou exame em laboratório privado e o resultado foi notificado nesta sexta-feira (20) à equipe de epidemiologia do município de Natal. O paciente vem cumprindo as recomendações de isolamento desde que passou a sentir os sintomas.

Fonte: G1 RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário