quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Criminosos incendeiam caminhão, ônibus e transporte escolar no 6º dia de ataques no Ceará; 6 ações são registradas na madrugada

 Fogo em clube de tiros teve início por volta das 23 horas e se espalhou rapidamente pelo terreno, em Caucaia. — Foto: Rafaela Duarte/ Sistema Verdes Mares
Fogo em clube de tiros teve início por volta das 23 horas e se espalhou rapidamente pelo terreno, em Caucaia. — Foto: Rafaela Duarte/ Sistema Verdes Mares
O Ceará chega ao 6º dia da nova onda de ataques que atinge coletivos, prédios, transportes escolares e veículos particulares. Nesta quarta-feira (25), pelo menos seis ações criminosas foram registradas, tendo como alvos ônibus e caminhões. No município de Maranguape, na Grande Fortaleza, o ônibus de uma empresa privada foi incendiado por criminosos na madrugada. O motorista, que estava dentro do veículo, foi obrigado a descer e não se feriu. Em Choró, também na Região Metropolitana, um grupo ateou fogo em um transporte escolar no pátio da prefeitura.
Ao todo, o estado já contabiliza 50 ataques em Fortaleza, Região Metropolitana e interior. As ações tiveram início no dia 20 de setembro. Segundo o secretário da Segurança do Ceará, André Costa, a onda de violência é uma reação de detentos que querem a volta de "regalias" nos presídios do estado. A Secretaria da Administração Penitenciária do Ceará (SAP) afirmou que 257 presos foram transferidos como "forma preventiva e tática" para combater os atentados. Até o momento, a polícia capturou 39 pessoas suspeitas de envolvimento nos atos.
Além dos ataques em Maranguape e Choró, um caminhão de frete e um ônibus foram incendiados nos municípios de Tauá e Várzea Alegre, respectivamente, durante esta madrugada. Em Várzea Alegre, o coletivo atingido se encontrava na rodoviária municipal quando foi atacado.
Já na cidade de Juazeiro do Norte, no Cariri, criminosos atearam fogo em um carro particular.
Clube de tiro e supermercado atacados
Na terça-feira (24), foram confirmados 18 ataques. Dentre eles, estão incêndios em um clube de tiro o Bairro Guajiru, em Caucaia, na Grande Fortaleza; e na fachada de um supermercado no Bairro Papicu, em Fortaleza. Os dois casos ocorreram durante a noite.
Segundo o Corpo de Bombeiros, os criminosos que atacaram o clube de tiros em Caucaia tiveram acesso ao local por um terreno baldio situado na parte de trás da propriedade. O grupo ateou fogo em uma muralha de pneus, onde funcionavam os stands de tiro.
Em Fortaleza, o alvo foi um supermercado localizado na Avenida Engenheiro Santana Júnior, no Bairro Papicu. Câmeras de segurança registraram o momento em que cerca de seis suspeitos jogam um líquido na fachada do estabelecimento e, em seguida, ateiam fogo. Nas imagens, é possível ver que as chamas atingem os pés de um dos suspeitos. O grupo fugiu.
Frota volta a circular normalmente
Nesta quarta, a frota de ônibus de Fortaleza volta a circular normalmente, segundo informações do Sindicato das Empresas de Ônibus do Ceará (Sindiônibus). Por conta dos ataques na capital, os veículos operaram parcialmente na terça-feira e tiveram de ser escoltados por policiais.
Além do transporte público, os atentados prejudicaram o funcionamento de escolas na cidade de Jucás. Após ônibus escolares serem incendiados no município, as aulas na rede pública foram suspensas.
Durante os seis dias de ataques, também foram alvos de ataques carros da empresa Enel, um veículo da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), caminhões de coleta de lixo, transportes escolares e prédios públicos.
Sequência de ataques
Sexta-feira (20)
  • caminhão roubado na cidade de Quixadá e incendiado em Quixeramobim;
Sábado (21)
  • ataque contra torre de telefonia no Bairro Messejana, em Fortaleza;
  • um caminhão de frios incendiado na Avenida das Adenanteras, no Bairro Cidade 2.000, em Fortaleza;
Domingo (22)
  • ataques a três caminhões na BR-116 no Bairro Ancuri, em Fortaleza;
  • posto de combustível incendiado em Quixadá;
  • veículo carregado de papel higiênico em Maracanaú, na Grande Fortaleza, também é incendiado;
  • ataque incendiário a um caminhão no Bairro Cidade 2.000, em Fortaleza;
  • tentativa de ataque a uma loja de veículo na Avenida Godofredo Maciel, em Fortaleza;
  • carro da Enel atacado em Quixadá;
Segunda-feira (23)
  • ônibus incendiado no Bairro Ancuri, em Fortaleza;
  • ônibus particular incendiado no Bairro Canindezinho, em Fortaleza;
  • ônibus incendiado no Bairro Aracapé, em Fortaleza;
  • ataque a carro da Enel no Bairro Jangurussu, em Fortaleza;
  • carro da Enel atacado no Bairro Conjunto Esperança, em Fortaleza;
  • uma topique incendiada no Bairro Sítio São João, em Fortaleza;
  • um ônibus escolar atacado na cidade de Paracuru, na Grande Fortaleza;
  • uma topique incendiada no Bairro Vila Velha, em Fortaleza;
  • um carro da Cagece queimado no Bairro Presidente Vargas, em Fortaleza;
  • um carro particular atacado no Bairro Planalto Airton Sena, em Fortaleza;
  • um micro-ônibus incendiado no Parque São José, em Fortaleza;
  • um ônibus da empresa Vitória queimado na ponte da Barra do Ceará, em Fortaleza;
  • ônibus de banda de forró na Barra do Ceará, em Fortaleza;
  • um juizado especial atacado e teve um princípio de incêndio no Vila Velha, em Fortaleza;
  • o estacionamento da prefeitura de Jucás, no interior do Ceará, foi incendiado e quatro veículos foram atingidos pelas chamas, entre eles, dois ônibus escolares. Escolas da rede pública cancelaram aulas;
  • dois caminhões que estavam estacionados em uma rua no Alto Alegre II, em Maracanaú, foram queimados e um idoso ficou ferido;
  • um caminhão de coleta de lixo foi incendiado por três suspeitos em Pacatuba, na Grande Fortaleza.
Terça-feira (24)
  • um caminhão de carga foi interceptado e incendiado sobre a ponte do Rio Ceará, que liga Fortaleza a Caucaia;
  • criminosos atearam fogo em um caminhão na Avenida Vicente de Castro, em Fortaleza; o caminhoneiro, que dormia no veículo, acordou com o susto e se feriu com as chamas;
  • incêndio contra dois ônibus estacionados em um posto de gasolina, no Bairro Palestina, na cidade de Canindé;
  • ônibus de uma banda de forró incendiado em um posto de combustível de Ibaretama, no interior do estado;
  • carros de uma concessionária de veículos incendiados em Fortaleza;
  • ônibus de transporte urbano incendiado no Bairro Cidade Nova;
  • caminhão de lixo queimado no Bairro Vila Velha III;
  • segundo caminhão de lixo, no Bairro Varjota;
  • ataque a um ônibus da linha Conjunto São Bernardo, em Fortaleza;
  • van incendiada na Rua São Feliciano, no Bairro Canindezinho. O veículo teve perda total;
  • caminhão na Avenida 9, no Bairro Mondubim;
  • caminhão no Conjunto Maria Tomásia, em Fortaleza;
  • ecoponto incendiado no Bairro Vila Velha, em Fortaleza;
  • clube de tiro incendiado no Bairro Guajiru, em Caucaia;
  • micro-ônibus incendiado dentro de estacionamento de posto de saúde, no Bairro Pavuna, em Pacatuba;
  • grupo incendeia fachada de supermercado no Bairro Papicu, em Fortaleza;
  • três pessoas jogaram um coquetel molotov no Fórum de Várzea Alegre;
Quarta-feira (25)
  • ônibus incendiado na rodoviária de Várzea Alegre;
  • carro incendiado em Juazeiro do Norte;
  • ônibus com funcionários de uma empresa é incendiado em Maranguape, na CE-065;
  • caminhão particular que faz serviço de frete foi incendiado em Tauá;
  • carro de transporte escolar foi incendiado por volta de 3h, no pátio da Prefeitura de Choró;
  • galpão de empresa de reciclagem incendiado.

Fonte: G1  Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário